terça-feira, 21 de junho de 2016

Nélia Alexandre

Nélia Alexandre é doutora em Linguística Geral (especificamente, em sintaxe do Crioulo de Cabo Verde), pela Universidade de Lisboa.
Na FLUL, desde 2009, tem participado na docência de unidades curriculares relacionadas com o ensino e aprendizagem do Português Língua Não Materna (PLNM) ao nível da graduação (Português em África) e da pós-graduação (seminários de Linguística Comparada: Crioulos de Base Lexical Portuguesa; O Português em África: unidade e diversidade e O Português em Contacto). Paralelamente, tem participado nos cursos de formação contínua de professores de Português Língua Estrangeira oferecidos pelo Instituto de Cultura e Língua Portuguesa (http://www.iclp.letras.ulisboa.pt/), em Lisboa e em Pequim.
Publicou o livro The Defective Copy Theory of Movement: Evidence from Wh-Constructions in Cape Verdean Creole (John Benjamins Publ., 2012) e tem mais de 20 publicações em capítulos de livros e revistas (http://www.degois.pt/visualizador/curriculum.jsp?key=9074665765204919).
Tem feito parte da comissão científica de vários congressos e revistas nacionais e internacionais e é membro de academias científicas como a Associação Portuguesa de Linguística (tesoureira de 2010-2012), a Associação de Crioulos de Base Lexical Portuguesa e Espanhola (tesoureira de 2010-2014), a Associação de Professores de Português e a Society for Pidgins and Creole Linguistics. Tem integrado, igualmente, júris de provas de mestrado e de doutoramento.

É colaboradora da Cátedra de Português Língua Segunda e Estrangeira (coordenada por Perpétua Gonçalves, Universidade Eduardo Mondlane, Moçambique) e da Cátedra Eugénio Tavares – Língua Portuguesa (coordenada por Amália Melo Lopes, Univ-CV, Cabo Verde).


Sem comentários: